Sobrevivente.

Nêgo véio não põe a mão em cumbuca fechada… é isso aí!
Anda de cabeça em pé e não entra em fria por ninguém.
E é assim que ele tem andado… malandro da melhor qualidade e da pior espécie.
Nunca tá duro em sua vida sem moleza e sem critérios!
Quando criança, jogava bola de cabeça erguida e corria como o vento. Se alguma mínima chance passasse por perto de seu bairro, com certeza veríamos um outro futuro para o chamado Maestro do Futebol.
Maestrava o jogo e driblava a bagunça e a desordem da sua vida, diante da realidade quase trágica e sem vide-bula. Suportava o não ter e o sofrer, com um belo sorriso no rosto e um olhar brilhante, único e especial. Porém, muitas realidades e inexplicáveis “nada ter” por períodos longos demais, levaram seu sorriso lindo, sua habilidade e a sua liderança para longe.
Para você, talvez um louco doente e o pior dos humanos, mas para mim, conhecedor de sua história, um dos melhores sobreviventes!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s