Pintando em pranchas

Epa! Pera lá maluco, como assim se eu gosto do surf? Cara, o que já vi de gente me olhar com uma carinha de riso só porque gosto de surfar…não é mole não!
Tá, não tenho o biotipo dos caras do surf, não sou magro, nem bronzeado pra caracas [descendente de branquelos] e nem tenho aquele surf de dar inveja, mas não é porque o cara não é piloto de fórmula1 que ele não pode pirar em carros, né não?
Ser gordo, diabético e branquelo, realmente não são as melhores qualidades para se gabar no mundo do surf, mas sinceramente? Fod*#-se!!!rsrsrs. Não quero um Oscar…nem mesmo quero ser visto, apenas quero estar me sentindo bem e feliz! Como já tive a oportunidade de me sentir muitas vezes.
Tive o prazer de desenhar em algumas pranchas e acho até que irei desenhar em muitas outras no futuro, meu camarada o Shaper Mandinho, dono da fábrica de pranchas LipBase me encomendou umas e o resultado está ai embaixo. Espero que curta!

Errado ou certo…ta ai!

Caraca…Tu escreve errado, hein Brou?
Escrevo “memo”, e ai?rsrs
Vou te contar uma coisa, hein…é fácil não!!! Escrever é uma arte e eu particularmente sou um “mané” nessa arte. Os que escrevem de verdade devem se perguntar: ” Mas como é que pode ser ruim assim?”
“Deixa o menino brincar” [Racionais] – Tenho que arriscar de vez enquando, mesmo porque, tô aqui na cama de um hospital sem ter o que fazer…pensa bem…vc não faria o mesmo?
Não se iluda, não sou um Bon Vivant, infelizmente! O que me levou a ter descompensado a minha diabetes inclusive, foi exatamente por não ter vida fácil! Trabalho pra cacete, em muitos momentos sou escravo de mim mesmo, virando noites, trabalhando até tarde e muita, mas muita chateação! Aí o corpo deu estalo por dentro e gritou: – Chega! e puf! o gordo quase pifou!
Ei! E este jeito de escrever? Você pensa que está onde? Na praia?
Pois é né?! Achei melhor contar a minha história do jeito que falo, assim, como se estivesse mesmo na praia, com grandes amigos, num lugar ensolarado, de ondas boas, nem muito alto e nem muito baixo…no jeitinho que deve ser, pra um belo e delirante “Retoside”!rsrsrs
Te falei que gosto de surfar? Pois é…gosto! Se sei muito do surfe…sei nada! Sou um cara comum, gorducho e com um long vermelho! Mas amo o mar, as ondas, a praia e a boa e velha vadiagem de domingo. Caraça, sou filho de Deus e já experimentei o que é bom da vida, agora já era, viciou maluco, não tem mais jeito, quero estar lá também! Essa parada já me fez criar boas histórias de surf…quando sair daqui, vou subir uns quadrinhos de um personagem que inventei! O Gordon Summer. Dizem que é legal…eu sou suspeito, porque eu gosto mesmo dele!
Quero frequentar muito a praia ainda, nem que for sempre assim…devagar, ondas médias e feitas pra mim! Você não quer não? Então deixa que eu vou!!!rsrsrs

Deixa que eu vou!!!rsrsrs